Início Notícia Ministério da Saúde anuncia R$ 97 milhões para serviços de alta e...

Ministério da Saúde anuncia R$ 97 milhões para serviços de alta e média complexidade no RN

O Ministério da Saúde comunicou, nesta quinta-feira (30), o aumento do financiamento anual para os serviços de média e alta complexidade (MAC) no Rio Grande do Norte, destinando um investimento de R$ 97 milhões. A alocação desses recursos, que será formalizada por meio de uma portaria nos próximos dias, visa fortalecer os serviços oferecidos por hospitais e ambulatórios municipais, assim como pela Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap).

De acordo com a governadora Fátima Bezerra, o reajuste no limite de pagamento terá um impacto direto na saúde do estado, beneficiando especialidades como pediatria, ortopedia, cardiologia, oncologia, neurologia, psiquiatria, ginecologia e oftalmologia, entre outras.Os recursos serão repassados em parcelas ao longo do ano para o governo do estado e 98 municípios contemplados. Em 2019, antes da pandemia da Covid-19, o teto média e alta complexidade para o Rio Grande do Norte foi de R$ 56 milhões.A governadora Fátima Bezerra expressou sua satisfação com a notícia, destacando que essa conquista é resultado de esforços junto ao Ministério da Saúde. “A luta pelo aumento do teto de média e alta complexidade da saúde do Rio Grande do Norte persiste há anos. Apresentamos essa demanda à ministra Nísia Trindade e ao secretário-executivo Swedenberger Barbosa, que trataram do assunto com dedicação. Serão R$ 97 milhões destinados ao Estado e aos 98 municípios”, afirmou a governadora.A secretária de Saúde, Lyane Ramalho, enfatizou que esses recursos desempenharão um papel crucial na ampliação dos serviços especializados, contribuindo para a qualificação contínua do Sistema Único de Saúde (SUS).O prefeito de Lagoa Nova, Luciano Santos, presidente da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (FEMURN), comemorou a notícia, destacando que as prefeituras locais contarão com mais recursos para custear serviços de alta e média complexidade.O secretário-executivo do Ministério da Saúde, Swedenberger Barbosa, ressaltou a importância do incremento no teto no valor de R$ 97 milhões. Além disso, anunciou a liberação de verbas para obras nos hospitais da rede estadual.Portal da Tropical