Início Notícia Homem que tentou matar árbitro em Macaíba é preso novamente após ter...

Homem que tentou matar árbitro em Macaíba é preso novamente após ter sido liberado em audiência de custódia; vítima está em estado grave

Um homem de 23 anos apontado como a pessoa que tentou matar um árbitro durante uma partida de futebol em Macaíba, no último sábado (9), foi preso pela Polícia Civil na tarde desta sexta-feira (15). Ele já havia sido preso no dia do crime, mas foi solto porque não havia provas de que se tratava da pessoa que tentou matar o árbitro da partida de futebol.

A prisão desta sexta-feira foi feita pelos policiais civis da 20ª Delegacia de Polícia de Macaíba. De acordo com informações repassadas pela polícia, no sábado, logo após o crime, ele foi à sua casa, pegou o veículo do seu pai e empreendeu fuga. Alguns minutos depois, o homem que tentou matar o árbitro foi abordado e preso pela Polícia Militar, que o conduziu à Delegacia e recolheu a arma de fogo que estava com ele.O investigado foi autuado em flagrante apenas pela tentativa de homicídio, no entanto, não havia elementos probatórios que permitissem a manutenção da sua prisão, o que impôs no dia seguinte a soltura na audiência de custódia. Na manhã de segunda-feira (11) os policiais civis iniciaram a investigação.As provas colhidas demonstraram que havia mais de 300 testemunhas no local do crime, mas ninguém foi apresentado à autoridade policial que lavrou o flagrante. Com as provas do crime, os policiais conseguiram o mandado de prisão preventiva contra o homem que tentou matar o árbitro. Ele foi preso e encaminhado ao sistema penitenciário.Ele deverá responder por tentativa de homicídio, posse e porte ilegal de arma de fogo, além de conduzir um veículo não-habilitado. A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações, de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181.Árbitro em estado graveO árbitro está internado em estado grave no Hospital Deoclécio Marques, em Parnamirim, na Grande Natal. Ele perdeu um rim e corre o risco de ficar paraplégico, segundo informou o Sindicato dos Árbitros de Futebol do RN.Com informações de Novo Notícias e g1-RN