América enfrenta hoje Cuiabá-MT na Arena das Dunas

Depois de duas rodadas fora de Natal, o América volta à Arena das Dunas para enfrentar o Cuiabá, às 19h, pela Série C. Atuar em casa, inclusive, é algo raro para o Dragão na competição. Em seis rodadas na Terceirona, o time de Roberto Fernandes só foi mandante em duas oportunidades: venceu o Icasa-CE por 2 a 1 e empatou com o Salgueiro por 2 a 2.    Atualmente na sexta posição na tabela com oito pontos, o Dragão almeja voltar ao G4 o mais rápido possível. A situação incomoda o próprio grupo de jogadores, segundo o técnio Roberto Fernandes. Atualmente a diferença para o Vila Nova-GO, quarto colocado, é de dois pontos.

Primeiro contra o Cuiabá-MT e depois diante do Confiança-SE, o Dragão terá dois confrontos consecutivos com o apoio da torcida para embalar na Terceirona. “A gente não pensa em nada menos que os seis pontos”, afirma o meia Álvaro sobre as partidas.   Os quatro times que compõem o G4 neste momento (Fortaleza, Asa, Salgueiro e Vila Nova) já foram adversários do Dragão nesta Série C. Por isso, o meia avalia que esse é o momento ideal do time arrancar na competição. “Nós fizemos só dois jogos dentro de casa, mas no segundo turno isso vai melhorar. Nesse momento também, teoricamente, nós já jogamos contra os adversários diretos. Agora é fazer nosso dever dentro de casa”, diz Álvaro.  O técnico Roberto Fernandes, no entanto, tenta tirar um pouco da pressão do momento.

Para ele, o time tem se superado nos jogos longe de Natal.   “Fica cansado aquele discurso: ‘tem que ganhar os dois jogos em casa!’. Ou não. O Salgueiro também só fez os dois jogos em casa e perdeu um. Mesmo assim está no G4 com 11 pontos. A responsabilidade a gente já sabe, o compromisso também. O grupo está focado e nós estamos buscando superar os limites. Eu não tenho dúvidas que esse grupo está no caminho certo e vai dar uma reposta no momento certo”, acredita o treinador.   Roberto Fernandes teve uma boa notícia ontem.

O zagueiro Flávio Boaventura pegou apenas um jogo de suspensão no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e, como já cumpriu diante do Fortaleza na rodada passada, fica à disposição para o duelo de hoje. Thiago Potiguar e Adriano Pardal foram absolvidos e também podem atuar.  Assim, o único desfalque para o técnico no confronto será o volante Zé Antônio Paulista, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

 

  Cuiabá

O Cuiabá vive uma crise. Depois de grande campanha que culminou com título da Copa Verde deste ano, o time do técnico Fernando Marchiori ainda não conseguiu se acertar. Na Terceirona, por enquanto, são quatro derrotas, um empate e uma vitória até agora (e quatro jogos consecutivos sem vencer).   A diretoria já promoveu mudanças com a má fase. O meia Alex Willian foi o primeiro a sofrer. Sem render o esperado, o jogador foi liberado pela diretoria para negociar com outro clube.    “Se os jogadores não mudarem a postura, a vontade, muita coisa pode acontecer.

 

Os jogadores tem que reverter isso. Não queremos mais saídas, mas pode ser que aconteça. A diretoria está fazendo de tudo para isso não ocorrer, mas depende deles. Será um jogo muito importante e a reviravolta tem que acontecer agora. Algo tem que ser feito”, disse o gerente de futebol, Hugo Alcântara, à TV Centro América.

 

Foto: Fábio Cortez / NJ

Câmara
Compartilhar

Deixe uma resposta