As margens de Emaús, obras do DNIT é tema de debate na Câmara

Em sessão ordinária realizada ontem (10), os vereadores debateram sobre as obras do Departamento Nacional de Infraestrutura – DNIT, no município de Parnamirim. Entre os assuntos abordados, destacou-se o início da construção do viaduto de Emaús no mês de maio, além das obras de drenagem e construção das vias marginais da BR-101 entre Natal e Parnamirim.

O viaduto de Emaús será o primeiro de seis previstos nas obras de duplicação e recuperação da BR-101, entre Natal e Parnamirim. A conclusão deve ocorrer ainda neste ano, o próximo será o viaduto localizado na Maria Lacerda, em Nova Parnamirim. Estão garantidos R$ 80 milhões de reais, O valor total chega a R$ 144,2 milhões.

Para o Presidente da Câmara Municipal de Parnamirim, Ricardo Gurgel (PSB), as obras representaram um grande progresso para a cidade Trampolim da Vitória, “estive reunido com o Superintendente do DNIT, Ézio Gonçalves, e ele me explicou todo o plano de obras que começa no viaduto de Ponta Negra e termina na última passarela da BR-101”, revelou.

O vereador Giovani Júnior (PSD) recebeu com muita felicidade as informações do DNIT, “as obras que já estamos vendo nas margens da BR são de drenagem, é apenas o início de uma grande conjuntura. Darei entrada para solicitar uma audiência pública para que o DNIT possa apresentar a todos o que será realizado em nosso município”, frisou.

Em aparte, a vereadora Kátia Pires (DEM) afirmou que tem um requerimento aprovado pela Casa para tratar do assunto, “conversei com o superintendente do DNIT e ele pediu para que aguardássemos um pouco para que ele viesse a esta Casa com informações mais aprofundadas sobre a liberação de recursos plano de obras”, revelou.

Câmara
Compartilhar

Deixe uma resposta