ITEP irá inserir impressões digitais de corpos não identificados no sistema AFIS

O Instituto Técnico-Científico de Perícia do Rio Grande do Norte (ITEP-RN) irá começar a inserir as impressões digitais de corpos não identificados no sistema AFIS (Automated Fingerprint Identification System), da Polícia Federal.

Segundo a subcoordenadora do Instituto de Identificação, Luciana Lima, a inclusão desses dados no sistema AFIS é fundamental para a identificação dos cadáveres. “Este armazenamento será um facilitador na Individualização da biometria digital do vitimado”, destaca.

A princípio, a inserção dessas digitais será realizada em conjunto com os  papiloscopistas do ITEP e da Polícia Federal, no objetivo de zerar a demanda acumulada.  Num segundo momento, o trabalho seguirá sendo realizado apenas pelos servidores da identificação criminal.

Comentários

Compartilhar